Serão plantadas mais de 30 mil mudas em toda a extensão da ciclovia; obra integra o pacote de revitalização de uma das mais importantes vias do corredor turístico

A Secretaria Municipal de Meio Ambiente deu início, nesta terça-feira (26), ao plantio de mudas no canteiro central da Avenida General Meira, uma das mais importantes vias do corredor turístico de Foz do Iguaçu. O paisagismo nas laterais da ciclovia integra o projeto de revitalização da avenida, que começou em março e está com aproximadamente 50% de execução. 

Nesta primeira etapa, realizada em forma de teste, será feito o plantio em 100 metros do canteiro, que será concluído até o final desta semana. A continuação do plantio – com mais de 30 mil mudas – em toda extensão da ciclovia será feita por uma empresa terceiriza, vencedora da licitação realizada hoje (26).

“Serão quase oito quilômetros de paisagismo, contando os dois lados da avenida, e uma quantidade expressiva de flores. Com a habilitação da empresa, o serviço deve ser concluído em até trinta dias”, explicou o diretor de arborização da SMMA, Marcos Silva. A manutenção do canteiro e a reposição das plantas serão feitas pela Secretaria de Meio Ambiente.

Espécies

De acordo com o diretor, serão utilizadas em toda a extensão do canteiro mais de 13 mil mudas de ixoria, 18 mil cruzias e 186 ciprestes italianas. A escolha das espécies foi feita pelos técnicos da Secretaria de Meio Ambiente e leva em consideração o tamanho, a manutenção e principalmente, a resistência ao calor, já que em dias muito quentes, a temperatura do asfalto pode passar de 50 graus. 

A ixoria, por exemplo, é uma planta que deve ser cultivada em sol, por isso é bastante utilizada em canteiros e jardins da cidade. As cruzias são uma espécie arbustiva e ótimas para criar cercas vivas, muito utilizadas no litoral. O cipreste italiano é uma espécie de pinheiro muito utilizado por paisagistas por não precisar de poda e também necessitar de sol. Esta espécie será plantada a cada 50 metros de distância, 93 em cada lado do canteiro. 

Este será o primeiro canteiro de ciclovia com paisagismo na cidade, projeto desenvolvido pela Secretaria de Obras com foco na mobilidade urbana.