Noticias da Triplice fronteira

362

362

Cidade Destaque Entretenimento Geral Notícia

Foz está na rota de nova companhia aérea que oferece mais espaço e melhor lanche a bordo

A empresa pretende iniciar as vendas de passagens, com preços competitivos, na segunda quinzena de janeiro de 2021. Voos iniciam em março.

Foz do Iguaçu deve receber voos da Itapemirm, nova empresa aérea que inicia suas operações a partir do dia primeiro de março de 2021. A proposta da companhia é ter aviões com menos gente, mais espaço e lanche melhor. A empresa pretende iniciar as vendas de passagens na segunda quinzena de janeiro.

O voo inaugural deverá ser com convidados entre Vitória (ES) e Brasília (DF). Outras cidades que deverão ser atendidas pela nova companhia aérea logo no início das operações serão São Paulo, Ribeirão Preto (SP), Presidente Prudente (SP), Rio de Janeiro, Porto Alegre (RS), Curitiba (PR), Foz do Iguaçu (PR), Florianópolis (SC), Salvador (BA), Fortaleza (CE) e Goiânia (GO).

Sidnei Piva, Presidente do Grupo Itapemirim, em entrevista ao OUL, disse que em janeiro, devem chegar os primeiros dez aviões do modelo Airbus A320 da companhia aérea. “Os aviões já estão sendo preparados e até a segunda quinzena de janeiro todos já estarão no Brasil”, afirmou. Os aviões da Itapemirim seguirão o mesmo padrão de cores já utilizado nos ônibus da empresa. A fuselagem será toda amarela com a cauda na cor preta.

O presidente do grupo afirmou que a parte interna será o maior diferencial da companhia aérea. O Airbus A320 tem capacidade máxima para até 180 passageiros. No Brasil, os aviões do mesmo modelo utilizados pela Azul podem transportar até 174 passageiros, enquanto os da Latam têm capacidade entre 168 e 174 passageiros.

Piva afirmou que os aviões da Itapemirim serão configurados com mais espaço entre as poltronas, o que vai reduzir a capacidade máxima para cerca de 160 lugares. Além do maior espaço, Piva afirmou que a empresa vai investir em um serviço de bordo mais requintado.

Apesar da redução na quantidade de passageiros por voo, o presidente do grupo Itapemirim afirmou que os preços das passagens serão competitivos com os valores cobrados pelas concorrentes. “Não vamos ser uma empresa de preço baixo, mas também não vamos estar acima do mercado. O preço vai ser competitivo”, afirmou.

Com Radio Cultura

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *