Noticias da Triplice fronteira

Notícia Politica Saúde

Em reunião virtual, prefeitos do Brasil e Uruguai analisam medidas de enfrentamento à pandemia

Nesta segunda-feira (15), o prefeito de Foz do Iguaçu Chico Brasileiro participou de uma reunião virtual com prefeitos do Brasil e do Uruguai para tratar sobre as medidas de prevenção ao novo coronavírus. A videoconferência, transmitida pelo Facebook da Prefeitura de Foz, foi promovida pela Frente Nacional de Prefeitos (FNP), e contou com as presenças do prefeito de Uruguaiana (RS), Ronnie Mello, do prefeito de Canelones (Uruguai), Tabaré Costa e a prefeita de Rivera (Uruguai), Alma Galup.


“Os municípios de fronteiras têm um desafio muito maior no sistema de saúde e esta reunião é uma experiência única para que possamos compartilhar o que estamos vivenciando em nossas cidades por conta da pandemia e compartilhar as ações de sucesso”, afirmou o prefeito Chico Brasileiro.


Entre os temas debatidos estiveram às ações de prevenção, isolamento social, medidas socioeconômicas e o fortalecimento da rede de atendimento. 


O prefeito de Uruguaiana destacou a importância dos municípios adotarem medidas preventivas. “Em 2009 Uruguaiana sofreu muito com o H1N1, por isso, desde dezembro iniciamos as ações de prevenção à Covid na cidade. Haja vista que além de ser uma região de fronteira, temos o maior porto seco da América Latina, são cerca de 1.000 caminhões entrando e saindo da cidade diariamente”, comentou Ronnie Mello. 


Alma Galup, prefeita de Rivera, reforçou a necessidade das ações de isolamento social. “O monitoramento constante das medidas já adotadas é fundamental para alcançarmos os objetivos. Além disso, reafirmar com grande força a campanha do ‘fica em casa’ e informação precisa à população para que todos colaborem nas ações”, disse. 


“Fico agradecido de ter participado deste encontro e trocado experiências com vocês. Parabenizo os governos de Foz do Iguaçu e Uruguaiana pela coragem e valentia que vocês tem lutado para levar uma resposta aos seus povos, mesmo com diversas dificuldades”, afirmou o prefeito de Canelones, Tabaré Costa.


Ações de enfrentamento 
Foz se preparou para enfrentar a Covid-19. A cidade foi uma das primeiras a adotar medidas preventivas e reforçar a estrutura para o atendimento.  Ainda em janeiro, o município criou o Plantão Coronavírus e o Comitê de Enfrentamento à Covid – 19. A Central Covid, no Hospital Municipal Padre Germano Lauck, conta com 20 leitos de UTI e 50 de enfermaria. Omunicípio capacitou equipes, ampliou a oferta de testes, implantou a telemedicina e conquistou a habilitação do Laboratório Municipal.


As escolas distribuem materiais pedagógicos para os alunos, e as famílias em situação de vulnerabilidade social são assistidas com cestas básicas, kits de higiene e máscaras.


Foz foi à primeira cidade a vacinar os idosos de casa em casa contra a gripe e uma das primeiras a exigir o uso de máscaras nas ruas e no comércio. O município suspendeu impostos, criou programas de incentivo ao microempreendedor e adotou protocolos de segurança para a retomada das atividades econômicas.

Por: amn

LEAVE A RESPONSE