Júlio César de Oliveira assume superintendência do Sindhotéis


Profissional com vasta experiência no turismo vai coordenar ações da entidade em prol da hotelaria e gastronomia

Ampliar o diálogo do Sindhotéis com os seus associados e a sociedade, implantar produtos e serviços e ofertar capacitações no turismo. Esses são os objetivos de Júlio César Gomes de Oliveira, que acaba de assumir o cargo de superintendente do Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares de Foz do Iguaçu e Região.

A contratação foi anunciada pelo presidente do Sindhotéis, Neuso Rafagnin. “O Júlio César tem larga experiência em turismo e gestão, com um extenso currículo profissional e contribuição para o desenvolvimento da nossa principal atividade econômica. Agora vem para completar a equipe técnica e operacional da entidade”, destacou o dirigente.

A trajetória profissional de Júlio César está diretamente ligada à história do Sindhotéis. Ele presidiu a entidade por dois mandatos (em 1982 e 1983 e depois de 1991 a 1994), sem contar a participação na diretoria de outras três gestões. À época era diretor-geral do Apolo Palace Hotel/Bogari Palace Hotel (função que desempenhou de 1994 a 2010).

A experiência no turismo e hotelaria também está diretamente ligada à sua formação e carreira acadêmica. Graduado em Tecnologia em Gestão Pública e em Ciências Econômicas, e com inúmeras pós-graduações no Brasil e exterior, o superintendente foi professor concursado no curso de Hotelaria da Unioeste e por contrato no Centro Universitário UDC, entre outras instituições de ensino superior.

Durante o período na academia, ampliou mais o conhecimento na principal atividade econômica da cidade. Ainda no turismo, foi dirigente da Federação Brasileira de Hospedagem e Alimentação, presidente e membro do Comtur (Conselho Municipal de Turismo de Foz do Iguaçu), integrante da Câmara de Turismo de Foz do Iguaçu e diretor da ABIH-PR (Associação Brasileira da Indústria de Hotéis – Paraná).

“Retorno ao Sindhotéis num momento delicado. Antes mesmo de 2020, acendeu uma luz amarela para as entidades sindicais, que precisam se reinventar para manter sua sustentabilidade. Depois veio a pandemia do novo coronavírus, o que elevou o nível dos desafios. Juntos, buscaremos as soluções para o fortalecimento da entidade e retomada do turismo”, resumiu.

Legislativo – Com o tempo, o profissional trocou a docência universitária para ingressar, novamente com servidor de carreira, na Câmara de Vereadores. No Legislativo iguaçuense, exerceu funções de economista, diretor de Finanças e Gestão Fiscal, controlador interno, assistente de Direção de Administração, diretor de Controle Interno e assistente de Direção de Finanças e Gestão Fiscal.

Como visto, Júlio César possui larga experiência na Casa de Leis, um dos braços do poder público com o qual o Sindhotéis possui várias demandas, seja na elaboração e aprovação de leis em prol do turismo (sobretudo hotelaria e gastronomia), seja no debate de propostas que muitas vezes precisam ser aperfeiçoadas para não prejudicar economicamente o setor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *