Em Cascavel, Bolsonaro destaca o apoio da Itaipu ao desenvolvimento do Paraná

Governador Ratinho Junior e prefeito Paranhos também agradeceram ao diretor-geral brasileiro da binacional, general Joaquim Silva e Luna, convidado de honra da cerimônia de inauguração do Centro Nacional de Treinamento de Atletismo, nesta quinta-feira (4)

O presidente Jair Bolsonaro destacou a importância da Itaipu Binacional para o desenvolvimento do Oeste do Paraná, nesta quinta-feira (4), durante a cerimônia de inauguração do Centro Nacional de Treinamento de Atletismo, em Cascavel (PR). O presidente citou a binacional sob gestão do general Joaquim Silva e Luna como exemplo de eficiência em seu governo.

“O investimento em obras, antes, era praticamente zero. Hoje são investimentos de cerca de R$ 2,5 bilhões”, enfatizou o presidente, destacando a liberdade que o diretor teve para escolher sua equipe, definir um novo modelo de gestão calcado na austeridade e na canalização de recursos para obras estruturantes.

“São duas novas pontes com o Paraguai, ampliação da pista do aeroporto de Foz e outras obras que significam mais empregos e mais recursos para o Paraná e o Brasil. E isso por que mudamos a forma de governar o Brasil”, acrescentou Bolsonaro, na inauguração do centro esportivo que recebeu R$ 15 milhões do governo federal e outros R$ 6 milhões do estadual.

A cerimônia de inauguração, além do presidente e do diretor-geral brasileiro da Itaipu, contou com a presença do governador do Paraná, Carlos Massa Ratinho Junior, de atletas olímpicos e de diversas autoridades nacionais, estaduais e locais, como o ministro de Estado da cidadania, Onyx Lorenzoni, o ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional, general Augusto Heleno, o ministro da Secretaria de Governo, general Eduardo Ramos, o presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, o prefeito de Cascavel, Leonaldo Paranhos, o secretário de Estado da Educação e do Esporte, Renato Feder, entre outras.

 “A Itaipu Binacional de hoje dá sustentação a nossos municípios do Oeste do Paraná de forma profunda”, afirmou o prefeito Leonaldo Paranhos, destacando os investimentos em parceria com a Itaipu, como os novos fingers do aeroporto regional e as obras do Contorno Oeste.

(Cascavel – PR, 04/02/2021) Inauguração do Centro Nacional de Treinamento de Atletismo – CNTA Foto: Isac Nóbrega/PR

Em parceria com os governos federal e estadual, a Itaipu está investindo em um conjunto de obras que somam cerca de R$ 2,5 bilhões, com a geração de mais de 3 mil empregos diretos. Em Cascavel, as obras apoiadas por Itaipu incluem o projeto de reforma do aeroporto regional (já entregue), além dos convênios firmados no final de 2020, com o aporte de R$ 101 milhões para a duplicação de 14 km do Contorno Oeste do município, conectando a BR-277 à BR-163, além de um acesso de 4,7 km até a Avenida Brasil.

O pacote de obras da margem brasileira de Itaipu abrange desde construção de ciclovias e pistas de caminhadas até a execução de obras estruturantes, como a Ponte da Integração Brasil-Paraguai, a ampliação do Hospital Ministro Costa Cavalcanti (HMCC), a duplicação da BR-469 (a Rodovia das Cataratas), a ampliação da pista do Aeroporto Internacional do Iguaçu e novos contratos para a modernização do setor elétrico brasileiro.

Segundo o diretor-geral brasileiro da Itaipu, general Joaquim Luna e Silva, as obras são resultado da boa relação institucional entre a Itaipu e os governos federal e estadual. “A Itaipu Binacional está transformando cada megawatt-hora produzido em legado para a população paranaense. Neste momento, em que são necessárias ações para a retomada do crescimento econômico, estamos comprometidos com a geração de novas oportunidades de emprego e renda”, destacou.

Estrada Boiadeira

Dirigindo-se ao presidente, o governador destacou a parceria com a Itaipu na estrada Boiadeira. “Amanhã, eu e o general Silva e Luna assinamos a ordem de serviço de uma das obras mais históricas do Paraná. Serão 54 km, cortando 85 km de extensão”, afirmou o governador.

O convênio para a revitalização da BR-487, estrada que liga o Paraná ao Mato Grosso do Sul será firmado nesta sexta-feira (5), em Umuarama (PR). Os investimentos são da ordem de R$ 260 milhões (sendo R$ 223,8 milhões da margem brasileira da binacional).

A obra faz parte do projeto da futura Rota Bioceânica, que permitirá a conexão rodoviária de portos brasileiros, no Oceano Atlântico, com o porto de Antofagasta, no Chile (no Pacífico).

Centro Esportivo

Com um investimento total de R$ 21.392.968,10, sendo 70% do montante proveniente do governo federal e 30% do governo do Estado, a instalação tem uma área de terreno de 86.211,69 m² e área construída de 8.000 m², contendo guarita, alojamento, arquibancada, pista de aquecimento coberta, área de fisioterapia e pista de padrão internacional, regido pelas normas da Associação Internacional de Federações de Atletismo – IAAF (sigla em inglês).

A gestão será compartilhada, com divisão de responsabilidades entre Estado (Secretaria de Estado da Educação e do Esporte / Superintendência do Esporte) e Município (Prefeitura e Fundação Municipal de Cultura e Esportes).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *