Brasileiro é preso na Ponte da Amizade com R$ 340.000,00

A suspeita é de que o dinheiro seria usado para compra de votos no dia da eleiçao

O Brasileiro identificado como Anélio Zozan, foi preso no dia de ontem, sexta-feira 13 de novembro de 2020, na área primária da Ponte Internacional da Amizade, em Ciudad del Este, na fronteira com Foz do Iguaçu. Ele estava com mais de 300 mil reais. O Ministério Público paraguaio investiga a origem do dinheiro.

Anélio viajava a bordo de um veículo Nissan quando foi abordado por funcionários da área naval e também da alfândega. Segundo o Ultima Hora, dentro do veículo foram encontrados R$ 340 mil, em notas de 10, 20, 50 e 100 reais, em duas caixas de papelão.

Durante a abordagem, o brasileiro não soube explicar a origem do dinheiro e foi encaminhado para a sede do para dar seguimento ao processo judicial correspondente. A procuradora Nilsa Torales suspeita de lavagem de dinheiro.

As autoridades não descartam a possibilidade do dinheiro ser utilizado para comprar votos dos brasileiros que residem no Paraguai, os chamados brasiguaios, em função de muitas das notas ser de pequeno valor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *